Carta aberta aos Pastores Evangélicos


Caro pastor evangélico de qualquer denominação, antes de qualquer coisa, estimo muito, e o respeito  autoridade espiritual¹ que você têm sobre suas ovelhas¹. Sei que isso é um plano divino para a igreja e fico muito grato a Deus por assim ter feito. Amado irmão, que fique claro que jamais intentei ou intento me rebelar contra sua pessoa autoridade, pois me rebelaria contra o próprio Espírito Santo¹porém, questinoar e expor algumas situações não é sinal de rebelião. E mais uma vez, não entenda o texto generalizadando os pastores, ele trata de características de alguns pastores, então se você não se enquadra, não se ofenda.

Sei que não são perfeitos, mas tenho visto algumas situações que me deixam temeroso. E gostaria de expô-las.

Primeiramente, não entendo o porquê de reprimir, taxar de dessarumado, caído ou coisa pior a sua ovelha que questiona algum gesto, atitude, mensagem e afins. Jesus foi questionado, várias vezes, Mateus 19:27, Mateus 15:2 dentre outros, inclusive Judas e os fariseus Lucas 20:2. Pelo que reparei nos textos, quando os seus questionavam, Jesus respondia mansamente e ensinava, quando era questionado por Fariseus, Saduceus e Religiosos, nesse ponto a resposta era mais rígida. Ao que me consta somos ovelhas de Cristo e não fariseus, então por favor, não sejam ásperos ao se depararem com um questionamento de qualquer ovelha do seu rebanho.

Vale lembrar que o Evangelho ressurgiu das trevas através dos questionamentos de Luthero dentre outros reformistas e pré-reformistas. Se fosse pecado e errado o questionar, Deus não levantaria Luthero. Fora isso muitas igrejas surgiram de questionamentos de desvios da doutrina bíblica dos seus líderes, sendo assim , dêem ouvidos as suas ovelhas e as ensinem quando questionarem algo, possa ser que estejam certas.  É dever do pastor não espancar mas ensinar I Timóteo 3: 2-3

É certo que a intenção é de preservação do rebanho, mas o legalismo é anti-bíblico. Porque vocês perseguem suas ovelhas  criando  regras estaparfúdias, tais como: “Não toques, não proves, não manuseies?” que delimitam uso e costumes, proibindo diversas atividades seculares culturais ou de lazer? É fácil para um pastor de 60 anos ou mais proibir cinema, praia, teatro, afinal nessa idade, esse tipo de atividade não lhes são mais interessantes. Cristo nos chamou para a liberdade, não libertinagem com certeza, e nos livrou do jugo da lei, então não criem-nos mais leis. Se realmente querem preservar as ovelhas, ensine a palavra, pois é ela, através da lembrança e ação do Espírito Santo, que nos livra de pecar (“Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti” Salmos 119:11), e não suas regras e leis descabidas que não produzem transformação, mas enganação. Uma ovelha bem instruída na palavra, aonde quer que ela esteja, perto ou distante dos senhores, ela saberá se portar decentemente, a “lei” de Deus já está nos nossos corações “…Porei a minha lei no seu interior, e a escreverei no seu coração…” Jeremias 31:33

Agora desculpa a sinceridade, se eu vou a cinema, estádio, praia ou boliche, o senhor não tem NADA HAVER COM ISSO! É um momento de lazer meu com minha família, e até onde eu sei a bíblia não condena isso, então pare de ser CHATO e guarde engula seu legalismo! A minha vida está entregue a Jesus, quem dita ou não o que eu devo fazer é Ele e apenas Ele, não queira interferir a minha comunhão com Jesus.

Abandone de uma vez por toda as fofocas, é muito boato, fofoca e informações descabidas que são pulverizadas. Sabe porque? Porque o senhor como “líder” dá ouvidos, porque antes não coloca num confronto direto o fofoqueiro com o “fofocado”, joga os dois cara a cara e descubra os mentirosos dentro de sua igreja, mas o senhor prefere agir com fofocas, calúnias ao invés de apurar a verdade.

Sua função é pregar o evangelho e proteger o rebanho, não é fácil eu sei, mas algo que Deus lhe concedeu, então PARE definitivamente de mensagens auto-ajuda, técnicas de psicologia para pregar a Palavra. E outra, o evangelho genuíno é impactante, o pecador quando o escuto só tem 2 opções, abre o coração e o Espírito lhe convence da juizo e da justiça de Deus e ele se volta para Jesus, ou ele se sente incomodado e vai embora. Agora o senhor já reparou quantos pecadores inveterados, conformados, estão bem acomodados no seio da igreja sem serem incomodados? MUITOS! Sim, igreja é lugar para pecador, mas para pecador se arrepender, agora se eles estão conformados e acomodados, o que senhor é um FROUXO, pois abre mão das verdades do evangelho para não “ofender” as pessoas. Amar o pecador é função dos servos de Deus, mas amar não significa estar de acordo, a palavra fala para não nos comunicarmos com isso, mas condenar , então por favor, abre os braços para TODOS pecadores (não só os ricos), mas fale sempre a verdade, mesmo que isso lhe cause baixa nas ofertas.

E por fim, e não menos importante, você não é ungidão intocável! Caso o senhor não saiba, o “Ungido” do velho testamento eram reis e sacerdortes, figurando para Jesus, que por sinal no novo testamento a única vez que cita a palavra “ungido” é em  Atos 4:26 e trata-se de Jesus Cristo, que por sinal Cristo significa “Ungido de Deus”, sendo assim “não toqueis nos meus ungidos” não se refere ao senhor. Assim sendo, não se ofenda com minhas afirmações, mas ame-me em Cristo Jesus, e ensine-me a Palavra de Deus todos os dias que puder, pois esse é seu dever.

Frederico Fiuza, vulgo questionador!

1 – Devidamente corrigido por Dione nos comentários, obrigado irmã

Anúncios

Sobre Fiuza

Blog pessoal http://d3rf.wordpress.com
Esse post foi publicado em Artigos e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

7 respostas para Carta aberta aos Pastores Evangélicos

  1. Excelente publicação.
    Grande Abraço.
    Gonçalves

  2. JCarlos disse:

    Muito bom…

    Pena que suas palavras morrem ao vento. O pes nunca as escutará.

  3. MARY ABREU disse:

    BEM VINDO AO GRUPO DE CORAJOSOS,QUE BATERAM DE FRENTE COM AS HERESIAS DA ICM, E BUSCAM O EVANGELHO GENUÍNO DOA A QUEM DOER!QUE O SENHOR TE SUSTENTE COM A PURA PALAVRA ,E NÃO SE DEIXE ABATER !

  4. Dione disse:

    “Caro pastor evangélico de qualquer denominação, antes de qualquer coisa, estimo muito [respeito e aceito a autoridade espiritual que você têm sobre suas ovelhas] Sei que isso é um plano divino para a igreja e fico muito grato a Deus por assim ter feito. Amado irmão, que fique claro que jamais intentei ou intento [me rebelar contra sua autoridade, pois me rebelaria contra o próprio Espírito Santo], porém, questinoar e expor algumas situações não é sinal de rebelião. E mais uma vez, não entenda o texto generalizadando os pastores, ele trata de características de alguns pastores, então se você não se enquadra, não se ofenda.”

    Amado, observando seu texto pude notar estas duas afirmações acima colchetadas; espero que o amado estivesse usando de ironia, senão, reveja seus conceitos quanto a esse assunto que escreveu.
    Um texto bíblico que o ajudará a rever está em Gál. 2.
    “E, chegando Pedro à Antioquia, lhe resisti na cara, porque era repreensível.” vers. 11

    Observe, não havia hierarquia, como também não havia superior, autoridade espiritual…
    Caso houvesse, Paulo (convertido muito depois de Pedro, este que ANDOU com Jesus) teria respeitado a Pedro, não achas?
    Nossa igreja está CHEIA de engodos advindos do catolicismo. Este certamente é um.
    Abraço

    • Fiuza disse:

      MInha irmã, obrigado por me alertar, realmente sua observação é pertinente, quando escrevi tinha minha mente ainda com medo de maldições e tudo mais, porém irei editar o texto.
      Sobre a autoridade, em Hebreus pede para que nos sujeitemos, mas vocÊ está certíssima em dizer que não é rebeldia contra o ES discordar deles, vou acertar o texto. Mais uma vez muito obrigado!

      “Obedecei a vossos pastores, e sujeitai-vos a eles; porque velam por vossas almas, como aqueles que hão de dar conta delas; para que o façam com alegria e não gemendo, porque isso não vos seria útil. Hebreus 13:17”

  5. Ângela disse:

    Q Deus (e só Ele o faz) nos ajude!

  6. margareth disse:

    maravilhoso texto. quisera que todos pastores lessem e aprendessem a nos tratar com respeito e dignidade. o fato de sair não quer dizer cair.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s